Senai e Prefeitura de Marechal formam 90 profissionais para a indústria local

27 de janeiro de 2022

Curso entrega ao mercado de trabalho operadores em logística e de máquina injetora e extrusora

O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e a Prefeitura de Marechal Deodoro entregaram, na última segunda-feira, 24, os certificados a 90 concluintes dos cursos de auxiliar de operações logísticas e operador de injetora e extrusora. Foram quatro turmas no total.

Eles foram qualificados por meio dos programas Emprega Mais e Profissionaliza Marechal, numa parceria com a empresa Pointer, instalada no Polo Multifabril do município. No total, o Senai e o Município ofertam aos deodorenses onze turmas, em cursos diversos que atendem às demandas das empresas da região, aumentando as chances de contratação de quem se prepara para o mercado de trabalho.

Durante a solenidade no município da Região Metropolitana de Maceió, o consultor de vendas da Gerência Comercial do Sesi Senai Luan Medeiros afirmou que a qualificação traz ganhos para o trabalhador, devido às maiores chances de empregabilidade, e para o setor produtivo, que se torna mais competitivo onde a mão de obra é mais qualificada.

“Tenho certeza de que as portas vão se abrir para vocês, diante dos cursos chancelados com a certificação do Senai. E de que as indústrias de Marechal Deodoro vão ficar mais competitivas com a presença de vocês”, ressaltou.

O prefeito Cláudio Filho, o Cacau, participou da entrega dos certificados e reafirmou a importância do programa. “Nosso intuito é proporcionar qualificação para que nossos cidadãos tenham emprego e renda. Estamos investindo em pessoas para que recebam o conhecimento como maior recompensa, e desta forma, o mercado de trabalho receba profissionais competentes e dedicados”, afirmou.

Daniel Salles foi um dos formandos na turma de operador de logística, e enxerga esta oportunidade como um divisor de águas em seu histórico profissional. “Foi uma jornada de esforço e dedicação e hoje me sinto preparado para entrar como um técnico da área no mercado de trabalho”, concluiu.