Área do clienteCadastre-se

Notícias

Sesi e Senai renovam parceria para qualificar jovens do ViraVida

Terça-feira, 13 de junho de 2017

Serão 15 vagas para o curso de Confeiteiro, 20 para o de Auxiliar de Operações Logísticas e 15 para o curso de Costureiro Industrial do Vestuário.

O Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) renovaram a parceria que garantirá a oferta de cursos de qualificação profissional para 50 jovens da nova turma do ViraVida, que inicia as atividades neste mês de julho. A gerente de Educação do Senai/AL, Nívia Andrade, e assessores receberam a equipe do programa na Casa da Indústria Napoleão Barbosa.

Serão 15 vagas para o curso de Confeiteiro, 20 para o de Auxiliar de Operações Logísticas e 15 para o curso de Costureiro Industrial do Vestuário. “A articulação com o Senai só vem para consolidar o objetivo do programa ViraVida, que é fortalecer e desenvolver a juventude brasileira”, destacou a a coordenadora do programa em Alagoas, Adriana Barreto Gomes.

“Nessa parceria, os jovens do ViraVida serão formados para reconhecer procedimentos, trabalhar com disciplina, ética, higiene, qualidade e segurança, desenvolvendo competências técnicas e atitudes profissionais para serem absorvidos pela indústria alagoana”, acrescenta.

“A parceria com o Senai sempre é muito positiva, pois os  jovens do programa terão acesso aos cursos voltados para a Indústria, foco nosso sistema", ressalta a pedagoga Thainy Lira.

Em abril deste ano, o programa ViraVida iniciou o processo de articulação com os Conselhos Tutelares, ONGs e sistemas de garantias de direitos das crianças e adolescentes visando à captação dos jovens para o processo de inserção. Nesta nova turma, 100 meninos e meninas em situação de vulnerabilidade social serão assistidos pela equipe psicossocial.

Comenda Neide Castanha

O programa ViraVida recebeu, na manhã da última segunda-feira, 12, a comenda Neide Castanha, concedida pela Câmara Municipal de Maceió. A honraria é um reconhecimento pelo trabalho desenvolvido na prevenção à violência sexual, promovendo o acesso de adolescentes e jovens com idade entre 14 e 24 anos a um processo de desenvolvimento, com base nos pilares educacionais da Unesco.

A iniciativa do Conselho Nacional do Sesi, que em Alagoas é coordenada pelo Departamento Regional da entidade, ocorreu durante audiência pública no parlamento-mirim em que se debateu a erradicação do trabalho infantil, convocada pelo vereador Siderlane Mendonça, que preside a Comissão Permanente de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente na Casa.

Compartilhe: